quarta-feira, 21 de dezembro de 2016

Primeiras Impressões: O Lamento

Primeiras impressões:   
* P E R T U R B A D O R *
Minha amiga, meu amigo, se tem uma coisa que incomoda o cineasta sul-coreano Na Hong-jin, já deu pra perceber, é ser repetitivo. Pra você entender, vamos lá: " O CAÇADOR " foi um filme memorável, é a sua obra-prima; depois, em " YELLOW SEA ", a impressão que se tinha era de uma tentativa de repetir o feito do primeiro e foi um resultado muito bom, mas que passou longe. No entanto agora, em " O LAMENTO ", ainda não é o mesmo feito memorável do 'Caçador', mas saiba: é um filme PERTURBADOR!

O cineasta eleva o nível do novo cinema sul-coreano, do qual já é parte fundamental, faz um filmaço de terror (o que por si só já uma grande novidade para a nova onda) com cenas e sequências de ARREPIAR todos os fios de cabelos e a melhor coisa: para criar todo o vulcão em erupção, que surge a certo ponto da trama, ele vai se utilizando de todas as ferramentas narrativas, que são as marcas registradas das tramas surpreendentes que o cinema sul-coreano tem entregue, então você tem o 'timing', o texto, o foco nas expressões, os quebra-cabeças iniciais, enfim, vou falar muito ainda sobre o filme, mas fica aqui registrado mais um dos melhores filmes do ano. E filme ASSUSTADOR!



Nenhum comentário:

Postar um comentário