terça-feira, 17 de janeiro de 2017

Primeiras Impressões: Moonlight


" MOONLIGHT " - Moonlight - Dir. por Barry Jenkins - Estados Unidos - 2016 

O tratamento dado a este filme americano é antológico (ao mesmo nível e sob o eco de " 12 ANOS DE ESCRAVIDÃO "), é épico e beira ao operístico. As percepções que encontram margem nesta realização chegam por vários ângulos, sócio-políticos, representativos, humanísticos, simbólicos, cinematograficamente científicos, mas creio que o surgimento de um filme como esse, no fim da era Obama, que termina deixando em fervura a questão racial que só implodiu nos últimos anos (além de todas as questões ligadas a qualquer tipo de impunidade e\ou preconceito); ou seja, a construção de uma obra honesta que, puramente, radiografa negros na América, não encontraria outro fim, senão ganhar um peso definitivo: um dos filmes do século, uma das imagens do século, uma das representatividades do século. Neste sentido, qualquer prêmio que vencesse seria pouco, pois seu estado é mais elevado.



Nenhum comentário:

Postar um comentário