sábado, 20 de janeiro de 2018

Hoje: os 72 anos de David Lynch



É uma unanimidade e todos concordam: David Lynch é, por excelência, um dos maiores cineastas de todos os tempos. Também é uma unanimidade entre todos nós que os delírios e as distorções mais sublimes das narrativas, sejam elas para o cinema e ou para a Tv, saíram até hoje da mente de David Lynch e que há nenhum outro se compara. 

O cinema celebra hoje os 72 anos dessa lenda viva, pela qual a história do cinema atravessa, se tornando assim um de seus patrimônios. Exalto nesse dia especial o documentário "David Lynch - A Vida De Um Artista", que se dedica a compreender a história do cineasta, narrado por ele mesmo, passando por fragmentos de sua vida e por sua relação com sua filha, até lançar seu primeiro filme, "Eraserhead", em 1977. Acho  interessante que a figura de David Lynch é tão inquietante e imensa, que foram necessários 3 cineastas para produzir esse documentário desde 2012. Além disso, outro fato interessante, é que essa composição de David Lynch, formada pelo documentário, criou uma imagem vasta antes de sua carreira monumental como diretor, imagine então se a sua imagem fosse captada até os dias de hoje, ou seja, haveria de ser um documentário ininterrupto, de tão imenso que David Lynch é.

Em se tratando da riqueza da obra criada por Lynch, é incomparável como ele torna a "mise-en-scene" indecifrável e ao mesmo tempo de uma beleza, que passa deliciosamente pelo bizarro. Ao descobrir o mundo dos sonhos e seu onirismo, ele levanta o inconsciente, filma-o com um fluxo inquietante, ao mesmo tempo em que torce, distorce e retorce os sentidos, os raciocínios e os conflitos. Como se não bastasse marcar o cinema, foi marcar também na década de 90 a Tv, com a avassaladora "Twin Peaks", um feito raro e inédito, que assombrou toda uma geração e que retornou em 2017, alvejada em elogios.

Com 72 anos de vida e com mais de 50 anos de carreira, é difícil descobrir entre as obras-primas de David Lynch a que seja mais fatal; falamos de "Eraseread", "O Homem Elefante", "Veludo Azul", "Estrada Perdida", "Uma História Real", "Mulholland Drive - Cidade Dos Sonhos", "Império Dos Sonhos" e é uma obra mais engolidora que a outra. O documentário "David Lynch - A Vida De Um Artista" foi exibido nos cinemas distribuído pela Fênix Filmes, está disponível pelas plataformas digitais e, quando sair em DVD, será uma obra precisa a qualquer coleção de cinema e aos que se dedicam a amar e estudar David Lynch. Fato é que hoje celebramos seus 72 anos de vida, certos de que é vital a necessidade de David Lynch sempre presente.

Instagram Oficial: @daniel_serafim_mais_cinema
Perfil Oficial: facebook.com/dsmaiscinema 

MAIS CINEMA! A GENTE SEMPRE QUER MAIS, DAQUILO QUE A GENTE AMA!

Nenhum comentário:

Postar um comentário