domingo, 18 de fevereiro de 2018

No Clima Do Oscar/2018: Daniel Day-Lewis



Há exatamente 10 anos atrás, o grande vencedor do Oscar de melhor ator era Daniel Day-Lewis, que neste ano, coincidentemente e curiosamente, está indicado ao Oscar e com um filme do mesmo diretor, Paul Thomas Anderson. Sua atuação em "Sangue Negro", assim como o filme e integrada a ele, permanece como um dos estudos mais assustadores e vorazes, expressando um anti-heroísmo e desafiando o que se entende por "leitura de uma nação" através do relevo que um único personagem é capaz de criar. A composição de Daniel Plainview, o personagem dentro do qual Daniel Day-Lewis é memorável, transcende a definição de "aula" e toma contornos antropológicos, partindo o cineasta Anderson da obra literária "Oil" e a expandido, com as propostas da engenharia cinematográfica, criando uma observação complexa e altamente substanciosa do apogeu de uma sociedade e/ou de seus "mitos". Daniel Day-Lewis compreendeu o olhar mitológico, compreendeu como certas figuras puderam afetar o desenvolvimento da humanidade (diga-se de passagem, nesse sentido, como emprega este olhar em "Lincoln", outro grande estudo) e, mais do que qualquer outra pessoa, mereceu o Oscar/2008.


Instagram Oficial: @daniel_serafim_mais_cinema
Perfil Oficial: facebook.com/dsmaiscinema - Daniel Serafim
Página Oficial: facebook.com/canaismaiscinema
YouTube: Daniel Serafim Mais Cinema 

MAIS CINEMA! A GENTE SEMPRE QUER MAIS, DAQUILO QUE A GENTE AMA! 

Um comentário: